Salada de frutas assadas com especiarias

IMGP3637

 

 

 

 

 

Essa saladinha de frutas é deliciosa, fica ótima para comer com iogurte natural no lanche ou como sobremesa. Você pode variar as frutas de acordo com a sua preferência. O legal é que dá para colocar na geladeira e dura mais do que uma salada de frutas frescas. É muito bacana também para servir em potinhos individuais em festinhas de aniversário.

Eu usei:

3 pêras

2 maçãs

1 caqui

um punhado de uvas passas

2 laranjas

2 kiwis

Canela, cardamomo (você pode usar as especiarias de sua preferência: cravo, gengibre, etc…)

Corte em cubinhos pequenos todas as frutas (deixe o kiwi ou outras frutas que ficam melhores frescas, como banana e mamão para acrescentar ao final, depois que tirar do forno). Esprema duas laranjas e misture com as frutas picadas para não oxidarem.

Espalhe em uma forma e leve ao forno médio (180 graus) por cerca de 30 minutos.

Depois de frio, misture as outras frutas frescas de sua preferência. Neste caso, eu usei só kiwi fresco.

 

 

Pêssego em calda (adoçado com mel)

imgp1552

Eu pesquisei muitas receitas de pêssego em calda e é bem difícil encontrar alguma que não leve açúcar nem adoçante. Então, resolvi criar esta com mel, que ficou um delícia! É uma super sobremesa, ainda mais agora para o verão, para comer geladinha. Uma sugestão é misturar com iogurte natural.

É super fácil de fazer. Eu descasquei e cortei na metade 8 pêssegos, descartando as sementes, claro. Coloquei em uma panela, cobri com água, acrescentei umas 3 colheres de mel bem cheias, um pau de canela e alguns cravos. Cozinhei só alguns minutinhos, só até o pêssego começar a ficar macio. Não pode cozinhar demais senão o pêssego desmancha. Depois, é só levar para a geladeira por algumas horas antes de servir ou, melhor ainda, deixar de um dia para o outro.

 

Bolo de coco, passas e banana sem açúcar

imgp1415

Essa é mais uma versão do meu tradicional bolo de coco com banana, adoçado com passas. Mas, a diferença desta receita é a textura. O segredo é que eu usei coco fresco ralado em tirar maiores. Fica uma delícia. A textura fica meio bolo, meio quindim. Por isso é bem importante usar o coco dessa forma. Aqui em Blumenau eu encontrei coco fresco ralado em tiras mais grossas congelado na Padeirito. Fica uma delícia!!!

Ingredientes

250 gramas de coco fresco ralado em tiras grossas

1/2 copo de iogurte natural

4 colheres de sopa de polvilho doce

2 ovos

1 punhado de uvas passas (vai ao seu gosto, ela vai servir para adoçar o bolo)

1 colher de sopa de manteiga

2 colheres de sopa bem cheias de nata

1 colher de chá de baunilha (opcional, mas cai super bem)

2 colheres de chá de fermento para bolo

4 bananas ou o suficiente para forrar o fundo de uma forma (cortadas em fatias, no sentido do comprimento)


Modo de preparo:

Misturar todos os ingredientes, menos a banana. Deixar o fermento por último. Cortar as bananas e forrar uma forma untada com azeite. Despejar a massa por cima e levar ao forno médio (180 graus) por cerca de 40 a 50 minutos ou até ficar douradinho por cima.

 

Panqueca de farinha de coco

img_0614

Gente, ando meio sumida, eu sei… Muito trabalho, atividades extras, mudança de apartamento… Assim que as coisas acalmarem prometo voltar com mais receitinhas!! Por enquanto, deixo aqui para vocês essa super prática de panqueca de farinha de coco.

Ingredientes:

1 ovo

1 colher de sopa de farinha de coco

1 colher de sopa de polvilho (doce ou azedo)

Salsinha/cebolinha (opcional)

Rende uma panqueca

Modo de preparo:

É só misturar tudo e fritar em uma frigideria antiaderente. É uma delícia para o café da manhã. Na foto, servi com uma colher de queijo quark.

Bolo de café (sem açúcar, sem glúten, sem lactose)

IMGP9411

Essa receita é do Chef Junior Schmitz. Eu recomendo dar uma olhada no IG dele @chefjrschmitz, sempre tem receitinhas muito boas para aproveitarmos para os pequenos. Esse bolo é super fácil de fazer e fica muito bom. A consistência fica bem fofinha, todos aqui em casa aprovaram. Otto pediu para repetir duas vezes! Mudei muito pouco da receita original. Só acrescentei as ameixas e usei coco ralado porque estava sem farinha de coco em casa. Em vez farinha de castanha de caju, que eu acho que tem um sabor muito forte, usei a farinha de amêndoas. 

Ingredientes:

6 ovos

4 tâmaras (eu acrescentei 2 ameixas secas sem caroço)

2 colheres de sopa de óle de coco

1 colher de café de cardamomo

50 ml de café bem forte e frio

1 colher de sopa de essência de baunilha 

1 xícara de farinha de castanha de caju ou de amêndoas (eu usei de amêndoas)

1 xícara de farinha de coco (eu usei coco ralado)

1/4 de xícara de cacau

1 colher de sopa de mel (opcional)

1 colher de sopa de fermento.

Modo de preparo:

Bater os líquidos com as tâmaras (e ameixas, se for o caso) no liquidificador. Em um bowl, misturar os ingredientes restantes com a mistura batida. Levar ao forno médio pré-aquecido por cerca de 45 minutos. Faça o teste do palito!

Torta de banana (sem glúten e sem açúcar)

torta de banana

Essa tortinha fez o maior sucesso no aniversário do Otto. Super fácil de fazer, não precisa nem adoçar. Se preferir, pode colocar uma colher de açúcar de coco na massa e uma no recheio, mas não tem necessidade, só se você realmente gostar mais docinho. Se usar a banana bem madura já fica naturalmente adoçado. A massa é a mesma do cheesecake, mas vou passar aqui novamente a receita.

Massa:

Ingredientes

1 xícara de farinha de amêndoas (se não achar pronta pode bater no liquidificador as amêndoas até virar uma farinha)

50 gramas de manteiga

1 gema

1 colher de sopa de açúcar de coco (opcional)

Modo de preparo

Juntar todos os ingredientes até virar uma farofa. Espalhar em uma forma de fundo removível untada com manteiga.

 

Recheio

Massa

Bananas a gosto (vai depender do tamanho da sua forma, é bom deixar bem recheado. Eu usei umas seis ou sete bananas. Confesso que não contei, mas usei uma penca inteira.

Canela para polvilhar

1 copo de leite

3 ovos

1 colher de maizena

1 colher de açúcar de coco (opcional)

 

Modo de preparo

Corte as bananas em fatias finas, polvilhe com canela e mexa para espalhar bem a canela. Bata no liquidificador o leite, os ovos e a maizena. Espalhe a banana por cima da massa e depois o creme, deixando penetrar bem no recheio. Asse em forno pré-aquecido a 180 graus até o creme ficar com uma consistência tipo de pudim. Cuidado para não assar demais para não queimar a massa, tem que ficar de olho!

 

 

Creme de amêndoas e coco (sem açúcar)

IMGP1597

 

 

 

 

 

Essa receita eu peguei de um site francês de receitas para bebês que eu amo, só fiz algumas adaptações. Ela tem um sabor super delicado. O melhor é que nem precisa adoçar. Usei apenas uma colher de chá de mel para seis taças pequenas dessas de licor.

Fica uma delícia para comer com maçãs cozidas em cubinhos, como na foto. Só cozinhei a maçã com bem pouca água e um pouco de canela, até ficar macia.

Ingredientes:

100 ml de leite

100 ml de leite de coco

1 colher de sopa de amêndoas

1/2 fava de baunilha ou algumas gotas de essência de baunilha

1/2 envelope de gelatina em pó sem sabor

1 colher de sopa de creme de leite fresco (nata)

1 colher de chá de mel

1 gema de ovo

 

Modo de preparo:

Bata no liquidificador os leites e as amêndoas. Coe para tirar os pedacinhos de amêndoa que ficam. O bom neste caso é ter só o sabor das amêndoas, sem os pedacinhos. Leve ao fogo até iniciar a fervura. Se você usar a fava de baunilha, abra a fava e misture a baunilha ao leite antes de ferver e depois coe. Se usar a essência pode colocar depois de ferver. Enquanto isso, hidrate a gelatina em água conforme as instruções. Quando ferver a mistura de leites desligue o fogo e misture bem a gelatina até dissolver por completo.

Em outro recipiente misture a gema, o creme de leite (nata) e o mel. Aos poucos, vá acrescentando a mistura de leites e gelatina ainda quente batendo bem. Colocar em recipientes individuais e levar à geladeira até ficar mais consistente.

Pode servir com uma compota de frutas, como mencionei antes, como maçã.

 

Quadradinhos de banana

IMG_8196

Essa receitinha super fácil é uma mão na roda para levar para o clube ou para a praia neste verão. Peguei aqui no face Papa do Theo. Eu só substituí a farinha de aveia por aveia em flocos e coloquei passas também. Eu sugiro que você já faça duas ou três receitas, porque rende pouquinho.

Ingredientes:

1 banana amassada

2 colheres de aveia

um punhado de uvas passas

canela em pó

 

Modo de preparo:

Amasse a banana, junte os demais ingredientes e coloque em uma forma quadrada, deixando a massa com mais ou menos 1 cm de altura. Asse até dourar em forno médio (180 graus, cerca de 15 a 20 minutos).

 

 

Pãezinhos de batata e cenoura com chia

IMG_8198

Nesse tempo de férias, uma ótima pedida para o lanche das crianças ou para um petisco na piscina!

Ingredientes:

1 xícara de polvilho doce

1 xícara de polvilho azedo

mais ou menos 1 xícara de batata doce cozida e cenoura cozidas (eu usei meia batata e uma cenoura pequena)

1 ovo

1/4 de xícara de azeite

1 colher de sopa de chia

2 colheres de chá de fermento

1 pitada de sal

uma pitada de endro ou outro tempero de sua preferência

Modo de preparo:

Cozinhe a batata e a cenoura até ficarem bem macias. Retire da água e amasse. Reserve um pouco da água, talvez seja necessária para a massa.

Junte todos os outros ingredientes com a batata e a cenoura e vá amassando com a mão, até formar uma massa lisa e homogênea. Se precisar, use um pouquinho da água do cozimento (eu usei só umas duas colheres de sopa nesta receita).

Faça bolinhas e leve ao forno pré-aquecido para assar (200 graus) por cerca de 30 minutos ou até os pãezinhos começarem a dourar.

Bolo de Natal (bolo de especiarias, adoçado com mel, sem glúten)

IMGP1295

Esse bolo é pra deixar a casa toda com cheirinho de Natal. Pelo menos pra mim, o Natal tem esse cheiro de especiarias: canela, cravo, gengibre, cardamomo… Hummm. O bolo fica delicioso, gente! E é adoçado só com mel. Além disso, não tem glúten.

Ingredientes:

  • 4 ovos
  • 1 maçã ralada
  • 2 xícaras de farinha de amêndoas (se não encontrar, pode bater as amêndoas no liquidificador até virar uma farinha. Eu gosto de deixar ainda uns pedacinhos para sentir)
  • 2 colheres de chá de fermento para bolo
  • 1/4 de xícara de mel (eu usei um pouco menos e ficou bom)
  • 1/2 xícara de manteiga
  • 3 colheres de sopa de sementes de chia
  • 1 pedaço de gengibre ralado (a gosto, eu coloquei um pedaço de mais ou menos 1,5 cm)
  • 1 colher de chá de canela
  •  6 cravos da índia ou uma colher de chá de cravo em pó (o lado ruim de usar o cravo inteiro é que alguém vai morder. Eu gosto daquele gostinho refrescante do cravo, mas para as crianças talvez não seja muito bom)
  • 1/2  colher de chá de cardamomo
  • 1 pitada de sal
  • raspas de meio limão.

Modo de preparo:

Bata os ovos com o mel até ficar bem espumoso. Adicione a manteiga a temperatura ambiente e bata mais um pouco. Adicione as especiarias: canela, cravo, cardamomo, gengibre ralado, raspas de limão e uma pitada de sal. Adicione a chia, a farinha de amêndoas e a maçã ralada. Misture bem e adicione o fermento.

Asse em uma forma untada ou antiaderente por cerca de 35 minutos em 200 graus. Quando usamos farinha de amêndoas temos que cuidar bastante para não deixar passar do ponto e queimar a massa. Prontinho!